Um gatinho pode estar monitorando a rede wireless da sua casa


Muitos já ouviram falar de Wardriving, não? Bom wardriving é quando você sai da sua casa com seu carro e equipado com um notebook com wireless e um scanner de rede você vai em busca de sinais de redes wireless por onde passa. Legal, né?


Bem, e se você pudesse fazer um "wardriving" sem sair de casa? Gene Bransfield teve uma ideia mais ou menos parecida e fez o que estão chamando de "WarKitteh".

Para isso, primeiro ele pegou o lindo gatinho Coco da vozinha de sua esposa e colocou uma nova coleira no bichinho. Esta não era apenas uma coleira como estamos acostumados a ver por ai, esta era uma coleira equipada com um controladora e antena Wi-Fi, uma bateria e um GPS. Um lindo presentinho feito por Bransfield, que também não deixou de lado o visual fashion da coleira.


Warkitteh kit
Usando sua nova e linda coleira hi-tech o gatinho saiu pela vizinhança fazendo seu habitual passeio, e enquanto isso, todos os sinais de redes wireless estavam sendo capturados, juntamente com o posicionamento exato do local. Coco encontrou nada menos que 23 redes wireless em seu passeio de 3 horas. Para surpresa de Bransfield, algumas das redes capturadas estavam desprotegidas, ou não tinham senhas ou estavam usando o padrão WEP de autenticação.

Spie Cat

Bransfiled realizou esta pequena experiência não para poder explorar as redes alheias (o que poderia ser facilmente feito por alguma pessoa mal intencionada) mas sim para conscientizar as pessoas sobre sua privacidade e descuido na segurança de suas redes.

Da próxima vez que ver um gatinho andando pela sua vizinhança, preste atenção em sua coleira e desconfie... ehehehe

 

Fonte: http://www.wired.com/2014/08/how-to-use-your-cat-to-hack-your-neighbors-wi-fi/


 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gestão de Serviços de TI com Open Source - OTRS

O azul de São Miguel dos Milagres